Leite

By borfast

Leiam o PDF que anexei aqui (está também no fim do post, depois dos comentários). Apesar de me parecer um bocado o típico texto sensacionalista (com frases chocantes mas por vezes sem um suporte concreto) não deixa de ser verdade. Gosto especialmente de dois pontos que são levantados e que eu questiono há anos:

  1. Antigamente (e não é preciso retroceder assim tantos anos quanto isso) não existiam frigoríficos, logo o leite não podia ser um alimento "essencial" como tanto se publicita hoje em dia. A prova disso é que estamos cá todos, os cerca de 7 biliões, muitos dos quais sem beberem uma pinga de leite.
  2. Os pensos rápidos nunca são solução para os problemas, como o exemplo que dão de se comercializar o soro do leite para que não contaminar os rios. Que tal reduzir drasticamente a produção de leite, para que o soro deste já não seja um problema (e eliminando uma série de outros ao mesmo tempo)? E isto aplica-se a tudo o que é produzido em massa nos dias que correm.

Mas não, o que interessa é encherem-nos a cabeça de ideias idiotas, como a do "leite biológico" - sim, porque há alguns leites que não são biológicos, não vêm de um ser vivo, devem ser criados por máquinas algures no espaço, e esses não prestam, porque não são naturais...

A época em que vivemos é curiosa: nunca o ser humano teve tanta informação e educação ao seu alcance, nem de formas tão imediatas e rápidas como hoje em dia; ao mesmo tempo, nunca o ser humano fez tão pouco para combater as pequenas (nem mesmo as grandes) coisas que estão erradas. Deixamo-nos cegar pela sociedade de consumo e aceitamos que sejam outros a decidir tudo por nós. O problema é que a esmagadora maioria desses outros não está minimamente interessado no nosso bem estar ou na preservação do ambiente, mas sim apenas em aumentar o dinheiro no seu bolso.

AttachmentSize
Leite269.19 KB